Conteúdo

Bancos danificados da praia são substituídos por material sustentável e mais resistente

7 de outubro de 2016
14h 02

Os primeiros bancos ecológicos já estão sendo instalados na orla da praia. A substituição pelo novo modelo é feita de modo gradativo, quando a peça em uso é danificada. Dos 542 existentes, cerca de 200 já foram trocados. Só em outubro - nos trechos entre a divisa e o Canal 1, e entre os Canais 4 e 5 - mais de 30 unidades foram instaladas. 

Os bancos originais são de madeira natural, porém com a ação do tempo, maresia (e até vandalismo), o material forma fendas e rompe, perdendo a resistência, explica a subprefeita da Zona da Orla e Intermediária, Fabiana Ramos Garcia Pires. O novo modelo é em plástico reciclado, com assento e encosto na cor e textura semelhante ao de madeira. Não necessita de pintura ou verniz, é imune a pragas, não mofa nem absorve umidade, explica ela.

As peças plásticas são fabricadas por empresa especializada e à Prefeitura cabe a confecção das bases do novo mobiliário e montagem. “Além de ser ecologicamente correto, é resistente e de baixíssima manutenção”.