Conteúdo

Escola da Transparência forma 13 jovens

5 de setembro de 2018
17h 15

O projeto Escola da Transparência Municipal, vinculado à Ouvidoria, Transparência e Controle, certificou 13 alunos da Câmara Jovem na tarde desta quarta-feira (5), em cerimônia realizada na Câmara Municipal.

A capacitação ocorreu em julho. Os alunos aprenderam o papel da Ouvidoria Pública, como abrir uma ocorrência, o que é transparência, como funciona uma controladoria e a importância de uma comissão de inquérito.

O ouvidor Rivaldo Santos destacou a importância da participação popular na administração pública. “O munícipe tem inúmeras ferramentas para cobrar e fiscalizar o poder público, mas muitos desconhecem. A Escola da Transparência tem o objetivo de dar visibilidade a esses instrumentos”.

Carlos Eduardo Accioly, 15 anos, da escola 28 de Fevereiro, afirma que ensina aos amigos tudo o que aprendeu no curso. “Eu nunca tinha entrado no site da Ouvidoria, por exemplo, mas agora sempre utilizo e explico aos amigos como funciona”.

A jovem vereadora Sarah Angel, 14, da escola Santa Cecília, ressalta que aprendeu que a Ouvidoria tem um importante papel. “É uma forma que temos de elogiar o que está bom e pedir providências para o que precisa ser melhorado”.

O presidente da Câmara Jovem, Henrique Nunes, 17, da escola Objetivo, diz que depois da formação já abriu diversos requerimentos. “Eu achava que só os vereadores podiam fazer isso, mas agora sei que é um direito de todo cidadão”.

Fotos: Marcelo Martins

Galeria de Imagens

Visão da sessão de entrega dos diplomas na câmara #pracegover