Conteúdo

Equipes do Cuidando de Santos prosseguem com serviços de drenagem e capinação

2 de março de 2018
17h 16

Carrinhos de mão, pás, alavancas e picaretas são os instrumentos de trabalho do auxiliar operacional Pedro Francisco de Souza Ribeiro, 54 anos. Atuando na Operação Cuidando de Santos, nesta sexta-feira (2), ele e os demais funcionários fizeram serviços de drenagem no Campo Grande, bairro onde mora, com o objetivo de melhorar o escoamento das águas pluviais.

São 6h15 e, com a equipe, ele ‘observa o terreno’ na Rua Visconde de Farias com Carvalho de Mendonça, abre as bocas de lobo e poços de visita, e faz a drenagem manual. Encontra garrafas PET, sacolas plásticas, fezes de animais, entre outros detritos. O trabalho segue com hidrojateamento das galerias, que consiste na lavagem da tubulação utilizando-se de um caminhão de alta pressão para desobstruir os ramais de ligação.

“Desentupimos os ramais e verificamos se estão limpos. É um trabalho gratificante e importante, mas que as pessoas só se dão conta quando chove. Hoje foi a vez de cuidar do lugar onde moro, mas faço com amor todos os bairros”, conta ele. E assim, sucessivamente, de via em via, ‘seo’ Pedro segue contribuindo com a limpeza urbana do Município, conferida nesta manhã pelo prefeito Paulo Alexandre Barbosa e pela secretária de Serviços Públicos, Fabiana Ramos Garcia Pires.

“Nossas equipes de zeladoria atuam todos os dias em várias regiões da Cidade. Neste ano, já fizemos o trabalho em quase 2 mil bocas de lobo, retiramos mais de 40 toneladas de resíduos dos canais e mais de 240 toneladas de resíduos das galerias. Tudo para desobstrui-las e fazer com que, no período de chuva, a água possa fluir. É um trabalho que exige atenção permanente”, afirmou o prefeito.

Nesta sexta, as equipes também trabalharam na drenagem das ruas Teixeira de Freitas (Campo Grande) e Godofredo Fraga (Marapé). Também foi feita manutenção preventiva em três luminárias da Rua Dr. Alamir Martins (Gonzaga), que estavam com problemas para acender.

 

Capinação

Serviços de capinação também continuaram nesta sexta em toda a extensão das ruas Visconde de Faria (Campo Grande) e Constituição (Centro); Av. Francisco Manuel, altura da Rua Teodoro Sampaio (Jabaquara), e Praça Mauá (Centro). E ainda: Av. Pedro Lessa, próximo à Rua Maria Máximo, iniciando pela Av. Mário Covas (Ponta da Praia); Rua Aureliano Coutinho, a partir da Delfim Moreira (Embaré); Av. Brigadeiro Faria Lima e imediações (Rádio Clube).

A cargo da Secretaria de Serviços Públicos, o Cuidando de Santos consiste em mutirões de zeladoria que incluem capinação, drenagem, poda de árvores, tapa-buraco asfáltico, manutenção do sistema de iluminação pública, entre outros. Os trabalhos são executados por 170 profissionais, entre funcionários da Seserp e da Terracom, que trabalham de segunda-feira a sexta, das 7h às 17h, além de sábado, com equipe reduzida atuando no mesmo horário.

 

Foto: Isabela Carrari

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.