Conteúdo

Santos reafirma necessidade de drenagem na entrada da Cidade 

28 de junho de 2019
13h 59

ELAINE ALVES

 

A Prefeitura de Santos reafirmou a necessidade das obras de drenagem da bacia do Rio Lenheiros (Saboó), no lado da linha férrea. Essa intervenção integrará outras obras do Programa Nova Entrada de Santos, já em andamento, para melhorar o trânsito na região e diminuir enchentes. O pleito foi reiterado nesta quinta-feira (27), durante audiência pública realizada pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), em São Paulo.

 

O objetivo do evento - que já aconteceu em Belo Horizonte (MG) e seguirá para o Rio de Janeiro (RJ) e Brasília (DF) - é colher mais informações dos municípios para os estudos da renovação antecipada do contrato de concessão ferroviária da Agência com a MRS Logística, responsável pela malha ferroviária na região sudeste do País.    

 

O gestor do Programa Nova Entrada de Santos, Wagner Ramos, representou o prefeito de Santos, Paulo Alexandre Barbosa e se manifestou dando apoio à renovação da concessão e reafirmando a importância da obra na entrada da Cidade. “Conforme apresentado ao ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes, em Brasília, no início deste mês, pedimos que seja incluída a drenagem sob a linha férrea que impacta a entrada de Santos. Isso envolve um grande projeto de macrodrenagem e a aprovação e liberação dessas obras precisam ser rápidas”, afirmou.

 

O destaque para o maior porto da América Latina e a colocação de Santos dentro do cenário econômico nacional foi destacado pelo gerente de Relações Institucionais da MRS do Estado de São Paulo, José Roberto Lourenço. “Não há como não ser parceiro de uma Cidade como essa. Sabemos dos problemas de alagamentos e as grandes obras que a Prefeitura já está realizando para resolver o problema e, também da necessidade da obra pública embaixo da ferrovia; esse é o momento de reafirmarmos esse pleito que o ministro já sinalizou positivamente”, informou.

 

Prazo - A concessionária MRS apresentou o pedido de prorrogação antecipada do contrato de concessão e um plano de negócios à ANTT. Atualmente, a Agência abriu a etapa das audiências públicas e, na sequência, vai elaborar um relatório final. Em seguida vem a fase de análise do Tribunal de Contas da União (TCU) e, eventual assinatura do contrato. O trecho da MRS conta com 1.683 km de extensão de linhas principais e ramais, nos estados de Minas Gerais, São Paulo e Rio. O prazo de concessão é de 1996 até 2026 e a prorrogação, por mais 30 anos, a 2056.     

 

Saboó - Para reduzir as enchentes, uma das obras em andamento no bairro Saboó é a ampliação do pontilhão que passa embaixo das quatro pistas da Avenida Martins Fontes, para 11 metros de largura por 3 metros de profundidade. Esse pontilhão media sete por dois metros. Para que esse trabalho fique completo, é fundamental que haja a continuidade do projeto pela MRS (área de competência federal) até a margem do Rio Lenheiros, ampliando o pontilhão interno que possui apenas duas tubulações de 1,20m de diâmetro e está sob a ferrovia da empresa. As águas do Rio Lenheiros e o escoamento das chuvas devem ter a mesma vazão pelas tubulações dos dois lados do muro que separa a avenida da ferrovia.

 

Trecho pronto - O pontilhão da pista 1 (local) da Martins Fontes, localizado entre a Travessa Dois e a Rua Flamínio Levy, sentido bairro/Centro, que compõe esse sistema de drenagem, foi entregue em março deste ano. A via recebeu melhorias como limpeza de galerias de drenagem, recuperação de duas galerias medindo 1,30m x 1,70m cada, dando maior vazão às águas das chuvas, pavimentação, novas guias, sarjetas, calçadas e iluminação.

 

Foto: Isabela Carrari/arquivo e Elaine Alves

 

 

 

Galeria de Imagens

gestor do Programa Nova Entrada de Santos, Wagner Ramos fala em audiência.  Ele está em um palco atrás de uma tribuna.  Ao lado esquerdo da imagem há uma mesa composta por três pessoas. #Pracegover
Gestor do Programa Nova Entrada de Santos, Wagner Ramos, defende obras em audiência
Público assiste apresentação em audiência. #Pracegover
Público assiste apresentações em audiência