Conteúdo

No Dia da Consciência Negra, Zumbi é celebrado na Praça Palmares

20 de novembro de 2017
14h 30

Em comemoração ao Dia da Consciência Negra, foi realizado, na manhã deste domingo (20) um evento especial na Praça Palmares, no Embaré.

Organizada pela Coordenadoria de Promoção de Igualdade Racial e Étnica, da Secretaria de Relações Institucionais e Cidadania (Seric), e pelo Conselho de Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra e de Igualdade Racial, a ação destacou a importância histórica do herói afro-brasileiro, Zumbi dos Palmares e recordou os 332 anos de sua morte.

“É necessário que nos espelhemos em Zumbi dos Palmares, que venceu dificuldades e lutou contra a desigualdade racial. Inspirados nele, devemos defender a mesma luta e isso também se dá por meio da educação. Antes das cotas, eram 8% de negros nas universidade e atualmente já são 27%. Precisamos nos colocar contra o processo discriminatório que ainda existe em nosso País”, ressaltou o presidente do Conselho, Ivo Miguel Evangelista Santos.

O prefeito Paulo Alexandre Barbosa também destacou a história do herói afro-brasileiro. “Que possamos dar valor aos bons exemplos que temos e celebrar as pessoas que deixaram um legado tão importante”. Ele acrescentou que hoje não podemos admitir que exista qualquer tipo de preconceito. “É preciso que haja respeito e amor ao próximo, para que possamos viver bem em sociedade”.

A cerimônia contou com a participação da Banda da Polícia Militar, que apresentou os hinos Nacional, de Santos e à Negritude, além de músicas populares.  Houve ainda apresentações do Xire dos Orixás e do grupo Afoxé Oba Alafim, maquiagem afro, desfile de cabelos étnicos e oficina de turbantes. Na oportunidade, o historiador Odair José Pereira também leu um texto sobre a luta de Zumbi.

De acordo com o coordenador de promoção de igualdade racial e étnica, da Seric, Jorge Fernandes, foi programado um mês de atividades em comemoração ao Dia da Consciência Negra. “Contemplamos diversas áreas como empreendedorismo, cultura, artes e esportes”.

 

Foto: Isabela Carrari