Conteúdo
Notícias

Dengue: prossegue mobilização contra a doença

Publicado: 16 de novembro de 2006
0h 00

Diversas ações serão desenvolvidas nesta sexta-feira (17) pela Prefeitura de Santos, dentro da Semana de Combate à Dengue, que terá no sábado (18) seu ponto alto. Estão previstas vistorias em unidades de saúde, palestra e oficinas. O objetivo é sensibilizar a população para os riscos da doença. A partir das 9 horas, a equipe do Programa de Saúde da Família (PSF) - médico, enfermeiro e auxiliares de enfermagem - desenvolverá oficina na Brinquedoteca do Centro Comunitário do Morro Santa Maria (Rua 1, 70). As crianças receberão informações sobre a prevenção da dengue e farão perguntas aos profissionais. Depois, produzirão um jornalzinho que ficará exposto no mural da unidade. A atividade conta com a parceria da Secretaria de Assistência Social (Seas). Na escola Antonio de Oliveira Passos Sobrinho (Macuco), os alunos trabalharão os dados estatísticos da doença e discutirão as formas de transmissão. Já os estudantes da Escola Olívia Fernandes (Embaré) levarão na sexta-feira para casa os folhetos e as atividades produzidas durante a semana sobre a dengue. Ainda na sexta haverá palestra sobre o assunto no Laboratório de Controle Ambiental, no Posto 3, a partir das 9 horas, para visitantes em geral. Informações pelo 3289-3674. Também está prevista vistoria em todas as Unidades Básicas de Saúde da Cidade para identificação e eliminação dos possíveis criadouros da dengue e orientações aos participantes do Projeto Vovô Sabe Tudo. Este ano foram registrados em Santos 3.217 casos de dengue, sendo 2.567 autóctones, ou seja, contraídos no próprio Município. Os bairros com maior número de casos foram: Aparecida (282), Ponta da Praia (262), Embaré (215), Boqueirão (192), Marapé (167) e Campo Grande (154).