Conteúdo

Vacinação contra HPV é intensificada em Santos

24 de julho de 2017
15h 45

Nesta semana, a vacinação está sendo intensificada nos postos de saúde pela Prefeitura de Santos, seguindo recomendação da Secretaria Estadual, para a imunização contra o HPV (papilomavírus humano), Hepatite B e doença meningocócica C. Aqueles que pertencem ao público-alvo podem procurar as salas de vacina das 32 policlínicas até sexta (28), das 9h às 16h.

A vacinação contra o HPV está disponível para meninas na faixa etária entre 9 e 14 anos e para meninos de 11 a 14 anos e todas as pessoas que vivem com HIV/AIDS. O esquema vacinal compreende duas doses, com intervalo de seis meses para a segunda, e auxilia na prevenção contra os cânceres de colo de útero, vulva, pênis, ânus, boca e orofaringe e de verrugas genitais.

“Além da ação nesta semana, realizaremos no mês de agosto, em conjunto com entidades civis, uma campanha para conscientizar pais e responsáveis da importância da vacinação dos prés-adolescentes e adolescentes antes do primeiro contato sexual”, explica a chefe do Departamento de Vigilância em Saúde, Ana Paula Valeiras.

Neste ano, a vacina contra a doença meningocócica C também foi incluída no calendário de vacinação pelo Programa Nacional de Imunização (PNI), que definiu como público-alvo meninos e meninas de 12 e 13 anos, com dose única. Já a vacina contra a Hepatite B contempla não somente adolescentes, mas todas as faixas etárias – desde menores de um ano até adultos acima dos 50 anos. Antes da intensificação era voltada para pessoas até 49 anos.

O esquema vacinal é de três doses, com intervalo de um mês entre a primeira e a segunda; a terceira deve ser aplicada após seis meses em relação à dose inicial. Para todas as imunizações (HPV, Meningite C e Hepatite B), é preciso procurar a policlínica de referência do bairro onde mora portando carteira de vacinação e documento de identidade. No caso de menores de idade, devem estar acompanhados de pais ou responsáveis.