Conteúdo

Tecnologia e cultura Hip Hop são debatidas em encontro metropolitano

25 de outubro de 2015
10h 27

A contribuição da tecnologia na disseminação da cultura hip hop foi debatida no sábado, 24 de outubro, quando o movimento originário das ruas ‘invadiu’ o Sesc Santos. Com o tema Conexões das Ruas, o Encontro Metropolitano de Hip Hop reuniu artistas e personalidades da Baixada Santista. Teve batalha de B-boys, atuação dos grafiteiros da região, bate-papo e show do rapper Dexter, um dos destaques do estilo no Brasil.

“O hip hop é uma cultura que surge na rua e continua na rua. O avanço tecnológico e as redes sociais fizeram com que ele expandisse, são a maior ferramenta”, afirmou Márcio Santos, assessor de Projetos de Hip Hop da Secretaria de Estado da Cultura.

A realização foi da Assessoria de Projetos de Hip Hop; Projeto Muito Prazer! Meu Nome é Hip Hop e Câmara Temática da Juventude do Condesb, em parceria com a Coordenadoria da Juventude, da Secretaria de Defesa da Cidadania, além da prefeitura de Guarujá. Apoio: Sesc. 

Foto: Anderson Bianchi