Conteúdo

Já são 18 as ações integradas da Prefeitura com as polícias

29 de junho de 2015
12h 06

Com a operação realizada na noite de sexta, 26/06, no entorno da Universidade Santa Cecília - Unisanta (Boqueirão), a Força Tarefa entre a Prefeitura e as Polícias Civil e Militar contabiliza 18 ações desde fevereiro, quando a atuação conjunta foi intensificada. Desde que o grupo se tornou permanente, por meio do decreto municipal n° 7.118 de 19 de maio, já foram seis ações reunindo fiscais das Secretarias Municipais de Saúde, Finanças e Meio Ambiente, Guarda Municipal e agentes da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), policiais civis e militares.

O trabalho teve como foco inicial a garantia do sossego público e evitar crimes nos entornos das universidades, e depois se estendeu para a fiscalização de hotéis, bares, quiosques, lojas de conveniência de postos de combustíveis e até ferros-velhos. Desde então foram fechados 14 bares e quiosques e 22 hotéis (alguns mais de uma vez) devido à presença de alimentos vencidos e sem procedência, más condições de higiene e falta de alvará. 

Mais de 30 pessoas foram levadas à delegacia por porte de entorpecentes, exploração de prostituição e jogo do bicho, venda de bebida a menor de idade e risco à saúde pública. Ao todo, foram mais de 40 intimações para providências pelos proprietários dos estabelecimentos e 22 multas que totalizaram mais de R$ 32 mil.        

Também foram realizadas apreensões de bebidas, produtos falsificados, pequenas porções de drogas, carrinhos de ambulantes irregulares e propagandas irregulares, além de blitz de trânsito, rondas ostensivas, abordagens de pessoas em atitudes suspeitas e encerramento de atividade de música ao vivo (sem permissão), multas de trânsito, entre outras ações.

“O trabalho nestes quase cinco meses é extremamente positivo. A Força Tarefa deu certo para coibir irregularidades e também para orientar os comerciantes para se adequarem à legislação e posturas municipais”, ressalta o chefe do Departamento de Fiscalização Empresarial e Atividades Viárias (Defemp), Ronaldo Santiago. A iniciativa já foi elogiada pelo delegado geral de Polícia Civil, Youssef Abou Chahin, e está servindo de exemplos para outras regiões de São Paulo.           

Boqueirão – Na operação desta sexta, a CET-Santos aplicou nove multas por infrações de trânsito, sendo cinco delas de veículos estacionados em locais proibidos e dois de motociclistas com viseiras levantadas (consideradas leves: 3 pontos na carteira e R$ 53,20 cada), um condutor sem cinto (grave: 5 pontos e R$ 127,69) e um avanço de sinal vermelho (gravíssima: 7 pontos e R$ 191,54).

 

18 operações desde fevereiro 
8 em hotéis e bares
7 no entorno de universidades 
3 em ferros-velhos, loja de conveniências de postos e quiosques
22 hotéis fechados 
14 bares e quiosques fechados
R$ 32 mil em 22 multas
42 intimações para providências
34 pessoas conduzidas à delegacia.

Foto: Susan Hortas