Reunião aborda licitação do VLT e permanência de base da PM no canal 1

4 de junho de 2018
20h 37

A licitação da segunda fase do VLT e a permanência da base da Polícia Militar na Av. Pinheiro Machado (canal 1) foram assuntos tratados, na tarde desta segunda-feira (4), em reunião na sede da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU).

Participaram do encontro o prefeito Paulo Alexandre Barbosa, o presidente da CET-Santos, Rogério Vilani, e Theodoro de Almeida Pupo Junior, que assumiu o comando da EMTU no último dia 17.

Aberta em março, a licitação da segunda etapa do VLT- que vai ligar o primeiro trecho do veículo à região central- está na fase de resposta aos questionamentos de empresas interessadas em participar da obra. A previsão é que nas próximas semanas a EMTU receba as propostas com os preços e, no segundo semestre, a licitação seja concluída e a vencedora do certame inicie os trabalhos.

BASE

A base da 5ª companhia do 6º BPM/I atualmente funciona em uma residência alugada pela EMTU (a sede anterior teve de ser retirada para a passagem do VLT). No entanto, o contrato de locação estava prestes a terminar. “Mas asseguramos que a base vai permanecer no local até o final deste ano”, revelou o prefeito. A EMTU prorrogou a locação até que uma solução definitiva seja adotada para a sede da unidade.

Foto: Arquivo Secom

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.