Conteúdo

Obra da Avenida Beira Rio e rotatória está na etapa de terraplenagem

14 de setembro de 2018
14h 11

A construção da Avenida Beira Rio e rotatória para ligação da futura ponte sobre o Rio São Jorge com a Av. Jovino de Melo recebe aterro de sobrecarga. A medida nada mais é do que ação de terraplenagem para drenar área de mangue. O peso da areia depositada no local vai provocar naturalmente, ao longo de cerca de oito meses, a drenagem da água do terreno.

“Após esse período será retirada uma camada dessa areia e a área receberá reforço com pedra rachão, para fortalecer a resistência do solo. A substituição da terra por pedras vai impedir a formação de buracos na nova avenida”, diz o engenheiro Paulo Fiamengui. “A medida garantirá a segurança no tráfego do local, por onde passarão veículos de grande porte”.  

A intervenção faz parte da segunda etapa de obras da Nova Entrada de Santos e criará uma nova conexão da via Anchieta com a região da Zona Noroeste. Inclui a repavimentação e adequação de corredores de ônibus (como nova rede de drenagem) na Av. Nossa Senhora de Fátima e construção da ciclovia.

Também estão previstas pontes para veículos na Rua Pedro Paulo Di Giovanni e no canal da Rua Roberto Molina Cintra, e recapeamento da Rua Pedro Paulo Di Giovanni. As obras civis ficam sob o gerenciamento da pasta de Infraestrutura e Edificações e a gestão geral pelo Programa Nova Entrada de Santos. Na segunda etapa são investidos R$ 52,1 milhões, considerando no total pacotes de iluminação em LED, obras civis e processos ambientais compensatórios.

 

Foto: divulgação

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.