Limpeza em caixa de inspeção na linha férrea retira 6,5t de lixo e minimiza impactos da chuva na Martins Fontes

Publicado: 15 de abril de 2018
18h 30
Noticías

Os trabalhos de limpeza da Prefeitura de Santos na caixa de inspeção existente na área da linha férrea administrada pela empresa MRS Logística (Av. Martins Fontes, 808, Saboó) já retiraram 6,5 toneladas de sedimentos e lixo, a maioria garrafas pet descartadas irregularmente nas vias públicas. O serviço teve início no último dia 8 de abril e prosseguiu até sexta (13).

"Este trabalho de limpeza ajudou no escoamento da água no Rio Lenheiros e amenizou os prejuízos da chuva na Martins Fontes”, explicou a secretária de Serviços Públicos, Fabiana Ramos Garcia Pires. Segundo ela, em até 10 dias serão instaladas grades e barreira para a contenção de lixo flutuante.

O dispositivo de drenagem pluvial urbana está instalado na direção de uma ponte de 4m de largura por 30m de comprimento, que corta as pistas da avenida sobre o Rio Lenheiros, no trecho entre o Centro de Treinamento Meninos da Vila e o Cemitério do Saboó.

Ao todo, 12 funcionários do Departamento de Serviços Públicos estão envolvidos na operação, que ainda conta com apoio da Subprefeitura da Zona Noroeste. Atualmente a equipe faz a limpeza manual com auxílio de caminhão basculante e retroescavadeira. Um caminhão hidrojato também será utilizado. Serviço de responsabilidade da empresa, a limpeza da caixa, de 3m x 1,5m, pelo aspecto, não era feita há algum tempo.

Técnicos da pasta que atuam na manutenção da microdrenagem vinham observando a lentidão do escoamento final das águas pluviais no local, que fica próximo à entrada da Cidade. “Buscamos registros do local, que revelou que ali havia uma caixa de inspeção enterrada sob o terreno da MRS. Nossas equipes cavaram a terra e encontraram esta caixa repleta de sedimentos, o que certamente estava obstruindo o escoamento das águas das chuvas”, explica a secretária Fabiana.

A Administração Municipal estuda a possibilidade de instalar um poço de inspeção no canteiro central onde estão as palmeiras, para melhorar o escoamento.

Caminho da Divisa – Neste domingo (15) uma equipe da Subprefeitura da Zona Noroeste, com auxílio de uma retroescavadeira, retirou um sofá e outros detritos da boca do extravasor do canal do Caminho da Divisa, para ajudar no escoamento do canal da Rua Haroldo de Camargo, no Castelo (Zona Noroeste).

Por isso a Prefeitura orienta da importância da destinação correta de móveis usados e outros objetos, os quais podem prejudicar o sistema de drenagem do Município se descartados irregularmente.

Fotos: Divulgação.

Galeria de Imagens

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.