Conteúdo

Licitação para ponte sobre o Rio São Jorge será lançada na próxima semana

21 de agosto de 2018
17h 15

A Prefeitura lançará na próxima semana o edital de licitação para a quarta etapa das obras da Nova Entrada de Santos. Esta fase das intervenções compreende uma ponte que será construída sobre o Rio São Jorge, interligando a Rodovia Anchieta ao bairro do Bom Retiro, com acesso à Avenida Beira Rio (em execução).

A ponte terá 600 metros de comprimento. Serão duas pistas separadas, cada uma delas com duas faixas no padrão rodoviário (3,5 metros de largura cada). A iluminação será de LED. Rotatórias nas duas extremidades da estrutura complementam o projeto.

“Os caminhões que vierem para a Zona Noroeste acessarão a ponte e chegarão à Avenida Nossa Senhora de Fátima pela Rua Júlia Ferreira de Carvalho”, explica o prefeito Paulo Alexandre Barbosa, mencionando o trabalho da Administração Municipal para a concepção do empreendimento. “Conseguimos a aprovação do projeto pela Caixa Econômica Federal e o licenciamento ambiental depois de um trabalho de prospecção subaquática”.

Além de facilitar o acesso à Rodovia Anchieta, a nova estrutura vai integrar o corredor de ônibus que passará pelos bairros Piratininga e São Manoel, chegando ao Bom Retiro. O custo estimado da obra é de R$ 113 milhões, valor que integra os R$ 290 milhões investidos pelo Município, com financiamento pela Caixa Econômica Federal por meio do programa de Aceleração do Crescimento (PAC) 2 – Mobilidade, do governo federal. O tempo estimado de execução é de dois anos.

MEIO AMBIENTE

Em proteção ao meio ambiente, a ponte possuirá tubulações para drenagem da pista. Em caso de vazamento de óleo proveniente de algum veículo, o líquido é direcionado para uma caixa retentora. Objetivo é evitar que algum tipo de produto seja lançado às águas do Rio São Jorge.

O benefício socioeconômico gerado pela remodelação da entrada da Cidade é um dos fatores mencionados pelo prefeito. “Serão mais de 1,2 mil pessoas trabalhando nas obras, com empregos diretos que vão se consolidando com o decorrer das intervenções”, explica, contando com funcionários a serviço do Município e da Ecovias.

Comitê de gestão vai monitorar segurança durante obras  

Um comitê de gestão para as obras da Nova Entrada de Santos será formado, na próxima terça-feira (28), com o objetivo de avaliar impactos e propor ações de segurança para o período de intervenções na Avenida Martins Fontes e na Rodovia Anchieta, onde serão construídos novos viadutos e realizadas melhorias na drenagem, provocando interdições no tráfego de veículos – por dia, passam pelo local 120 mil carros e 10 mil caminhões.

O grupo vai tratar de medidas referentes à fluidez do trânsito, rotas alternativas, segurança dos motoristas, monitoramento das vias e locomoção de veículos de emergência como os da Polícia Militar e do resgate do Corpo de Bombeiros. Atualmente, já são analisadas as possibilidades de posicionamento de câmeras, além de bases policiais e de operação da Prefeitura.

O comitê deverá contar com integrantes das secretarias municipais de Governo (Segov), Infraestrutura e Edificações (Siedi), Segurança (Seseg), Saúde (SMS), Assuntos Portuários (Sapic) e Comunicação (Secom), além da Ouvidoria, Transparência e Controle (OTC), da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e da Defesa Civil.

Também devem compor o grupo representantes das polícias Militar e Rodoviária e da Guarda Portuária, além da empresa Terracom (responsável pela parte municipal das obras) e da concessionária Ecovias (que administra a Rodovia Anchieta).

REUNIÕES

A última reunião sobre questões de segurança ocorreu nesta terça-feira (21), no canteiro central da Rodovia Anchieta, em frente ao bairro São Manoel. A primeira foi realizada na sexta-feira (17).

Fotos: Isabela Carrari e Francisco Arrais 

Galeria de Imagens

Autoridades reunidas no canteiro da pista #pracegover

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.