Conteúdo

Famílias do São Manoel e Caneleira conquistam novas moradias

13 de junho de 2018
18h 26
Família reunida na porta de nova moradia. A porta está decorada com um laço, como embrulhada para presente. #Pracegover

Um novo capítulo começa a ser escrito na vida de 160 famílias da Zona Noroeste que se preparam para deixar as palafitas e áreas de risco socioambiental, conquistando uma significativa melhora da qualidade de vida. Nesta quarta-feira (13), autoridades municipais e estaduais entregaram as chaves de 40 moradias do Conjunto Habitacional Santos O, na Av. Marginal Direita da Via Anchieta, 2.393, São Manoel. A segunda entrega foi de mais 120 unidades habitacionais do Caneleira 4 (Caminho São Jorge, 302). 

De acordo com a Cohab Santista,  as mudanças serão iniciadas já neste mês. Ao sair da antiga residência, o local será demolido e congelado para evitar novas construções irregulares e de risco.

No Santos O foram entregues dois edifícios – blocos A e B, com pavimento térreo e mais quatro andares, cada um com quatro apartamentos por andar, incluindo unidade de um dormitório, com sala, banheiro, cozinha e área de serviço; mais três unidades de dois dormitórios, sala, banheiro, cozinha e área de serviço. Será entregue unidade adaptada no térreo do bloco B.

A mudança será radical na vida de Alzira Benvinda Vasconcelos, 49 anos, que gastava cerca de R$ 600 com a compra de madeirite a cada seis meses para a reforma periódica da moradia, devido às ações de chuva e vento. “Na casa nova, vamos economizar porque não teremos mais esses gastos, teremos mais segurança e estaremos perto da policlínica, de mercados e do ponto de ônibus”.

O casal Luzia Maria e Paulo dos Santos, de 57 e 54 anos, respectivamente, não esconde a alegria ao visitar o imóvel onde em breve vai morar. “Estou muito feliz porque nossa casa sempre fica cheia de água quando chove. O chão é de terra e coberto pelo tapete. Agora teremos piso e uma casa bem arrumada. Sonhei muito com isso”, disse Luzia.

No conjunto Caneleira 4 foram entregues seis edifícios (E, F, G, H, I e J), com térreo e mais quatro pavimentos, sendo cada andar com quatro unidades habitacionais de dois dormitórios, sala, banheiro, cozinha e área de serviço. Cada edifício possui, ainda, moradias adaptadas no térreo.

MAIS MORADIAS

Conforme anunciou o prefeito Paulo Alexandre Barbosa à comunidade, as últimas 165 unidades do Santos O estarão prontas no segundo semestre e serão entregues com apartamentos de 2 e 3 dormitórios, além das 80 restantes do Caneleira 4. Outra novidade será a construção de escola em área atrás do conjunto Santos O pela Ecovias.

“Hoje, autorizamos mais quatro novos conjuntos habitacionais, com 716 novas moradias, nos bairros Caruara, Jabaquara e Vila Mathias, e a compra do terreno conhecido como Estradão (Zona Noroeste), com mais 888, que no total correspondem a mais 1.600 unidades”, explicou o governador Marcio França. Todos os conjuntos são construídos em parceria com o Município, por meio da Cohab Santista, e Estado, por meio da CDHU.

 

Fotos: Isabela Carrari

 

Galeria de Imagens

Mulheres junto com crianças seguram chaves de novas moradias. #Pracegover
Vista geral de empreendimento imobiliário. #Pracegover

Feedback

Ajude-nos a tornar o Santos Portal melhor. Deixe um comentário, dúvida ou sugestão.