Prefeitura Municipal de Santos


  • 16 JUN 17
    Navio-escola da Marinha de Portugal chega a Santos Atualizado em: 16 jun 2017 às 02h

    O navio-escola Sagres, da Marinha portuguesa, chegou ao Porto de Santos na quinta-feira, 15/06. A vinda da embarcação integra a programação do Experimenta Portugal 2017, iniciativa do Consulado Geral Português em São Paulo, e também assinala o Dia da Defesa Nacional de Portugal (DDN).

    No final da tarde foi realizada uma recepção a bordo do navio para autoridades civis e militares. De acordo com o secretário de Estado da Defesa Nacional de Portugal, Marcos Perestrello, cerca de cinco milhões de portugueses vivem fora do país e aproximadamente 15% dos jovens na faixa etária de 18 anos também estão longe de solos lusitanos. “Desta forma, procuramos manter uma ligação próxima com a comunidade portuguesa que vive em outros locais e estreitar laços com os países”.

    Para o cônsul-geral adjunto de Portugal em São Paulo, Hugo Andrade Gravanita, a comunidade portuguesa é muito forte no Brasil. “Além disso, a presença da embarcação celebra a relação entre as Marinhas de Portugal e Brasil”, acrescentou.

    O vice-almirante do comando do 8º Distrito Naval da Marinha do Brasil, o comandante Antonio Carlos Soares Guerreiro, afirmou que é muito importante receber marinheiros de outros países. “Um grande momento para nós. Temos um bom relacionamento com a Marinha de Portugal. Em fevereiro deste ano os Ministérios de Defesa dos dois países promoveram um encontro entre as indústrias de defesa e esta aproximação é essencial”.

    Recepção

    O comandante do navio-escola Sagres, Antonio Manuel Gonçalves, ressaltou que sempre é bem recebido pelos brasileiros. “É o segundo ano consecutivo que atracamos aqui e é sempre bom”. Ele explicou que o navio já foi propriedade da Marinha do Brasil e hoje pertence a Portugal, sendo utilizado para a instrução de cadetes.

    “Temos laços históricos com o Brasil e um interesse comum com a segurança marítima”, destacou o comandante das operações navais da Marinha de Portugal, Gouveia e Melo.

    Fotos de Susan Hortas



TOPO