Prefeitura Municipal de Santos


  • 17 ABR 15
    Secretaria de Educação lança 'Santos à Luz da Leitura' com ações nas 80 escolas Atualizado em: 17 abr 2015 às 09h

    Levar para as escolas e população em geral a literatura e a arte. Essa é a proposta do projeto Santos à Luz da Leitura, da Secretaria de Educação (Seduc), que será lançado na próxima quinta-feira (23), data em que é comemorado o Dia Mundial do Livro e do Direito do Autor. Programação ocorre a partir das 8h30, no Centro de Atividades Integradas (Cais) Professor Milton Teixeira (Av. Rangel Pestana, 150, Vila Mathias).

    O dia será marcado, ainda, por sessões simultâneas de leitura nas 80 unidades municipais, incluindo a Educação Infantil, o Ensino Fundamental, a Educação de Jovens e Adultos (EJA) e os 13 núcleos de jornada ampliada do programa Escola Total. Haverá, também, leitura no Orquidário e Pinacoteca Benedicto Calixto. O projeto fará parte do programa municipal 'Leia Santos'.

    Simultâneo

    Segundo uma das coordenadoras do Santos à Luz da Leitura, Cláudia Alonso, haverá leituras em voz alta feitas por professores, funcionários, pais e alunos. O estudantes que serão ouvintes já escolheram antecipadamente qual a sessão que querem assistir, a partir da divulgação nas escolas, por meio de cartazes, das histórias que serão lidas e local. “Serão diversas audições simultâneas, como nos cinemas, onde se projetam vários filmes de uma vez e cada espectador escolhe que filme assistir”, explica Cláudia.

    Unesco

    O projeto foi inspirado na Unesco, que proclamou 2015 como Ano Internacional da Luz e das Tecnologias Baseadas na Luz. Tem a parceria das secretarias de Cultura, Turismo, Esportes e Defesa da Cidadania, da iniciativa privada e comunidade.

    Será desenvolvido pelo Departamento Pedagógico da Secretaria de Educação, com atividades até dezembro. “Vamos reafirmar, mais uma vez, nosso título de Cidade Educadora por um mundo mais solidário, saudável, sustentável, inovador e eficiente”, destaca a secretária de Educação, Venúzia Fernandes.

    Contação de histórias

    A leitura já faz parte do cotidiano escolar da rede municipal. Nesta sexta-feira (17), na Sala Tatiana Belinki do Cais Milton Teixeira, 400 alunos do programa Escola Total participaram de uma oficina de contação de histórias. Na ocasião, já escolheram a sessão de leitura que irão participar na quinta-feira (23).

    Christian Gonçalves, 7, optou pela obra Cicatriz, de Ilan Brenman, depois de conhecer a sinopse. “É a história de uma criança que cai da cama, fica com cicatriz e pesquisa as cicatrizes da família”.

    Foto: Rogério Bomfim 

     



TOPO