Conselho de turismo aprova projetos para serem enviados ao Dadetur

26 de fevereiro de 2017
8h 57

O Conselho Municipal de Turismo (Comtur) aprovou por unanimidade o envio de cinco projetos da Prefeitura para captação de recursos junto à Secretaria de Turismo do Estado, por meio do fundo do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento de Municípios Turísticos (Dadetur).

Durante o encontro realizado na quinta-feira (23), na sede do Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares da Baixada Santista e Vale do Ribeira (SinHoRes), foram aprovados projetos que, quando concluídos, vão auxiliar no fortalecimento do turismo e também trazer benefícios aos moradores da Cidade.

Dentre os cinco projetos aprovados estão as etapas 2 e 3 do Centro Integrado de Atendimento e Monitoramento Urbano, que já sendo construído pela prefeitura no embasamento do Paço Municipal. A fase 2 prevê a complementação da parte elétrica e compra de um nobreak– equipamento que garantirá o funcionamento da unidade mesmo em caso de queda de energia.

O valor da intervenção é de R$ 965.483,10. Já a terceira etapa, com o valor de R$ 15.834.772,43, compreende aquisição de materiais e equipamentos: servidores, armazenamento, computadores, estações de trabalho, softwares, soluções de comunicação integrada, videowall, vídeo conferência e sonorização.

Mais projetos

Outro projeto aprovado visa à instalação do Museu do Surf e a reurbanização do Parque Municipal Roberto MárioSantini. Com valor de R$ 2.352.403,14, prevê uma construção de 450 m², em estrutura metálica e vidros temperados, além da reurbanização de todo o entorno do local.

O quarto projeto trata da revitalização do Ginásio do Complexo do Rebouças, propondo a construção de uma cobertura em estrutura metálica especial e o sistema de tratamento de água da piscina olímpica, orçado em R$ 2.498.186,51.

A construção do Centro, Turístico, Cultural e Esportivo da Vila Progresso, orçado em 698.963,39, foi o último projeto aprovado. O objetivo do novo equipamento é descentralizar as atividades turísticas da cidade, levando esporte, cultura e eventos para uma região carente de espaços urbanos deste porte.

Deliberativo

Atendendo ao que termina a lei estadual sancionada no final do ano passado, o Comtur passou a ter caráter deliberativo e a responsabilidade de avaliar todos os projetos a serem viabilizados com verba do Dadetur. Outra alteração no conselho refere-se ao regime paritário – 10 representantes do poder público e 10 da sociedade civil, com os respectivos suplentes.

Newsletter SantosPortal

Receba todo dia as notícias mais importantes e os atos oficiais da Prefeitura de Santos.

Atualizações

Todas as novidades para Conselho de turismo aprova projetos para serem enviados ao Dadetur